quinta-feira, 31 de maio de 2012

O Ilustrador

Bom pessoal, este ano foi de mudanças para mim, larguei o direito depois de uma coça de 03 anos e voltei para publicidade e de repente em dois dias trabalhando numa agência de publicidade descobri que eu era Ilustrador e enfim conheci o programa que nasceu para mim e vice versa!

Este é o meu maior trabalho até agora ... economicamente falando:











Ainda está faltando postar alguns modelos que fiz posteriormente a estes.

Ilustrações para Fio de Ouro

Meu segundo trabalho como ilustrador. Peças para a Fio de Ouro produzida pela FOCO e com a direção do design pelo meu amigo Bertini:




Foram 14 desenhos criados à mão no programa Illustrator. Foram pintados e sombreados mas nos anúncios acima foram utilizados apenas os traços.


As mulheres da minha vida ...


Annan x Assaf


ESCAPAMENTOS ADULTERADOS 2


quarta-feira, 30 de maio de 2012

SEU BONECO ...


EU NA CPI


Tributo ao Legião ...

Desculpa Wagner Moura, sou seu fã ...

Mas atuar como Renato Russo,
NÃO ROLOU!

terça-feira, 29 de maio de 2012

AVENIDA BRASILIA


Sacolas Plásticas


GILMAR MENDES X LULA


Demóstenes na CPI


Escapamentos Adulterados


Trânsito em Cachoeiro 2


Trânsito em Cachoeiro


quinta-feira, 24 de maio de 2012

NOVAS ARTES

Sou designer e estou postando algumas artes criadas por mim para a M2P COMUNICAÇÃO:










Contatos para trabalho FREELA:
alexcardoso.es@gmail.com

terça-feira, 22 de maio de 2012

Bienal Rubem Braga

Apesar de muita reclamação sobre o problema causado pela Bienal Rubem Braga ao já caótico trânsito da cidade, venho aqui confirmar que vale a pena para todos os cidadãos ter um evento como esses em Cachoeiro, é de suma importância disseminar essa cultura da leitura principalmente aos jovens que hoje estão impregnados e escravizados pela internet. Nenhum site ou programa substitui a sensação de viajar nos pensamentos ao ler uma história, segurar um livro, ter aquela sensação de querer logo virar a próxima página para saber o que vai acontecer em seguida, é uma sensação simples de explicar.

Além disso, a questão financeira também é importante de se mencionar, eu comprei 4 livros na Bienal, sou apaixonado pelo tema Segunda Guerra e aqui na cidade é complicado encontrarmos livros com esse tipo de tema, na Bienal eu consegui esses títulos por um preço muito, mas muito atraente, a bagatela de R$10,00 cada um! Sim pessoal, eu comprei por exemplo "O LEVANTE DE 44" com quase 800 páginas por apenas dez reais!!!

E hoje fui, por curiosidade procurar os títulos numa das maiores livrarias do país e para minha surpresa foi isso que encontrei:





Resmindo, eu gastei R$40,00 na Bienal, sendo que, se eu levasse os mesmos títulos no site da Saraiva, eu gastaria R$235,70 fora o frete, ou seja, eu fiz uma economia de mais de R$200,00!

É por isso que vale a pena ter a Bienal, mas ainda continuo insistindo, Cachoeiro precisa de profissionais que saibam organizar o trânsito, não só em dias de eventos importantes como esse, mas diariamente, pois o centro da cidade, onde ocorre a bienal, é o gargalo onde todo o trânsito da cidade necessariamente precisa passar para as pessoas irem para suas casas.

Eu ainda acredito que um dia, um prefeito de peito fará algo parecido com o que Aécio Neves fez em Belo Horizonte, transferindo toda administração pública pra um único local chamado de Cidade Administrativa, todos os órgãos públicos foram transferidos para um local distante do centro da cidade. 

Cidade Administrativa em Belo Horizonte - MG

Mas, de toda forma, com todos seus defeitos, a Bienal vale a pena, por muitos motivos!! Pelo menos nesse período, ninguém pode reclamar que Cachoeiro é uma cidade sem cultura. A Bienal está tentando salvar a capital secreta do mundo de ser a capital menos cultural do mundo!

segunda-feira, 21 de maio de 2012

domingo, 13 de maio de 2012

Mais um Airborne só pra variar ...


Depois de tentar pintar o uniforme 3 vezes .. depois de 3 banhos de cloro e uma rasgada no joelho .. cheguei a conclusão que não dá pra lutar, tem que improvisar! Esse uniforme pertencia ao meu primeiro Airborne da BBi, com o tempo, ele ficou desbotado e então eu comprei outro e tentei pintar esse, por várias vezes errei a tonalidade da tinta, foram 3 ou 4 vezes pintando e tirando a cor do tecido, ele ficou frágil e rasgou o joelho hoje, dei uma costurada e cheguei a esse tom de tinta. Vai ficar com esse uniforme até eu poder comprar outro novo, além da tinta verde musco, eu apliquei giz pastel nas cores verde, preto e marrom para dar uma estilizada.

Mais um Airborne ... mais um Bastogne ... exatos 31 anos após o fim da Batalha eu estava nascendo ...


A Batalha das Ardenas (também conhecida como Ofensiva das Ardenas ou Batalha do Bulge) (16 de dezembro de 1944 — 25 de janeiro de 1945) foi a grande contraofensiva alemã no oeste (die Ardennenoffensive), lançada no fim da Segunda Guerra Mundial na floresta das Ardenas na Valônia, Bélgica, e também chegou a França (Bataille des Ardennes) e a Luxemburgo na Frente Ocidental. A Wehrmacht (o Exército Alemão) chamou a operação de Unternehmen Wacht am Rhein ("Operação Vigília sobre o Reno"). Esta ofensiva alemã foi oficialmente chamada de Campanha Ardena-Alsácia pelo Exército Americano, mas esta batalha acabou sendo conhecido como Batalha do Bolsão das Ardenas, ou "bulge".


A ofensiva alemã foi apoiada por várias pequenas operações como a Unternehmen Bodenplatte, Greif e Währung. O objetivo da Alemanha com estas operações era dividir os Aliados americanos e britânicos ao meio, capturando a região da Antuérpia, Bélgica, cercando e destruindo as tropas das forças Aliadas, tentando forçar os Aliados ocidentais a negociar um tratado de paz com as potências do Eixo.Uma vez com seus objetivos conquistados, Hitler poderia focar todo seu poderio militar contra os Soviéticos no Leste.


Esta operação foi planejada em segredo, com pouco tráfego de informações via rádio, com o movimento de tropas sempre acontecendo a noite enganando a inteligência dos Aliados que foram incapazes de antecipar a ofensiva imaginando que uma movimentação em massa de soldados seria perceptível aos aviões de reconhecimento.


As forças Aliadas foram pegas completamente de surpresa, com suas linhas muito espalhadas enfrentando uma força inimiga inicialmente superior. Lutas intensas em clima ameno, em especial ao redor da cidade de Bastogne, e o terreno que favorecia a defesa atrasou os alemães. Os reforços Aliados, incluindo o poderoso 3º Exército do General norte-americano George Patton e, com a melhoria das condições climáticas, a esmagadora superioridade aérea, permitiu que as forças alemãs e suas linhas de suprimentos fossem massacradas em especial pela Força Aérea Aliada, o que selou o fracasso do ataque.


À beira da derrota, as tropas mais experientes do Exército Alemão foram deixadas sem suprimentos e com equipamentos insuficientes enquanto os sobreviventes recuavam de volta para a Linha Siegfried. Já os americanos, com um exército de 500 mil a 840 mil soldados,sofreram de 70 a 89 mil baixas, incluindo 19 mil homens mortos,fazendo da Batalha das Ardenas a mais sangrenta para os americanos na Segunda Guerra.



sábado, 12 de maio de 2012

PARABÉNS MEU IRMÃO!


Hoje é aniversário do meu irmão Christian Cardoso, não entendo os motivos do afastamento dele de tudo que ele gostava ... principalmente da família .. sei o motivo mas não entendo como o Christian pôde largar tudo que gostava para se dedicar a algo tão estranho ... mas de qualquer forma ... quero desejar muitas felicidades para ele e que DEUS ilumine sempre seus caminhos, seja qual for o que ele resolver trilhar ... para você meu irmão minha homenagem .. CHRISTIANZINHO - O ESCOTEIRO ...

Clique na imagem para ampliá-la!


sexta-feira, 11 de maio de 2012

Passeio pelas maravilhas do Planeta Terra

Meu amigo Teddy sempre me envia vários e-mails, de tudo quanto é tipo, muita coisa que não presta lógico, é a cara dele! Mas esse simplesmente ganhou o OSCAR das MARAVILHAS da INTERNET ... quero ver todos os lugares, simplesmente fantástico, indico todos a sentarem na frente do computador e viajar pelo planeta em imagens simplesmente DIVINAS, lindo, maravilhoso, triste saber que nunca vou conseguir chegar pessoalmente em um lugar desses, mas dois passeios desse eu já curti ao vivo, RIO DE JANEIRO e FOZ do IGUAÇU ...


A imagem acima refere-se ao Cabo da Boa Esperança na África do Sul, mas nesse link:


Existem dezenas de belíssimos lugares para fazer o tour virtual, incluindo a fantástica ilha no meio do oceano de Dubai, uma queda d'água gigantesca na Venezuela, Havaí, etc, todos os 4 cantos do planeta,  com imagens em alta qualidade, tudo automático, um passeio de helicóptero jamais imaginado!

Avião P-40 da Segunda Guerra encontrado no Saara


Kittyhawk P-40 da Segunda Guerra Mundial 
Encontrado no Deserto do Sahara depois de 70 anos

Um avião da Segunda Guerra Mundial pertencente à Real Força Aérea Britânica (RAF) foi encontrado no Deserto do Sahara, no Egito, aproximadamente 70 anos depois de sua queda., Metro informa.

De acordo com o Vintage Wings, site canadense de notícias de aviação, Jakub Perka, que trabalha para uma empresa de petróleo, topou por acaso com o Kittyhawk P-40 em março último quando sua equipe estava numa expedição no deserto do Egito.

Em Junho de 1942, o sargento Dennis Copping, de 24 anos, foi escalado para pilotar um avião com o trem de aterragem avariado da base egípcia onde estava estacionado para ser reparado noutra base aérea africana. A meio do voo, o sargento saiu de rota e nunca mais foi encontrado.

Como se vê pelas fotos, o avião está em forma notavelmente boa. A cabine de comando ainda mostra um painel de instrumentos impecável e corpo do avião inteiro apesar de estar há quase 70 anos no deserto do Sahara.

Agora, 70 anos depois, o avião, um Kittyhawk P-40, foi descoberto no Sahara. Os funcionários de uma companhia de prospecção de petróleo polaca encontraram o aparelho praticamente intacto.

"É muito bem uma cápsula de tempo inacreditável, o equivalente aeronáutico do Túmulo de Tutankamon" disse Andy Saunders, historiador residente no Reino Unido,  segundo o Daily Mail.

De acordo com a agência de notícias Bournemouth News & Picture Service, acredita-se que o piloto tenha sido o sargento de Voo Dennis Copping, que tinha 24 anos na ocasião da queda.

Os instrumentos do cockpit estão intactos, assim como grande parte da fuselagem. Os historiadores estão extasiados com a descoberta. 

Andy Saunders especulou que Dennis Copping sobreviveu à queda, visto que um paraquedas foi encontrado perto do avião"  Meu palpite é de que o pobre coitado usou o paraquedas para proteger-se do sol", disse Andy , de acordo com o The Daily Mail.

Junto ao aparelho foi encontrado o depósito da metralhadora repleto de munições.

O aparelho ainda tem o painel de instruções da metralhadora.

Junto ao motor foi encontrado o selo de fábrica do Kittyhawk P-40.

"Se ele tivesse morrido ao lado do avião, seus restos teriam sido encontrados" acrescentou." Como caiu ali, ninguém viria para buscá-lo. É mais provável que ele tenha tentado caminhar pelo deserto e acabou caminhando para a morte. É um cenário horrendo demais para se contemplar."

Metro informa que Dennis pertencia ao Esquadrão 260 da RAF que tinha sua base no Egito durante a campanha contra contra o general alemão e marechal de campo Erwin Rommel. Segundo o jornal, "Dennis recebeu ordens de levar dois Kittyhawk P-40 danificados de uma base aérea inglesa a outra no norte do Egito, para reparos" quando se perdeu e caiu durante o voo.

O Museu da Real Força Aérea britânica já manifestou interesse em recuperar o aparelho 
e o Ministério de defesa Britânico já entrou em contato com as autoridades egípcias.

Pelos vestígios encontrados – o pára-quedas aberto junto à fuselagem 
Dennis Copping terá montado uma espécie de tenda para se proteger do sol.

O rádio foi encontrado fora do cockpit, o que indica que o piloto teria 
tentado usá-lo para contactar a base, segundo os historiadores.

De acordo com o Telegraph, os militares egípcios retiraram recentemente a munição e as metralhadoras do monomotor. No video postado no YouTube (abaixo) aparecem homens camuflados removendo a munição da aeronave.

O modelo encontrado no Sahara, um P-40E, tinha seis metralhadoras de calibre .50 montadas nas asas. O monomotores levavam apenas um tripulante.

“Ele deve ter sobrevivido à queda”, considera o historiador Andy Saunders. 
“Quando percebeu que ninguém viria procurá-lo fez uma tentativa 
desesperada de encontrar alguém pelo”, explica o historiador. 
A aldeia mais próxima fica hoje a 320 quilômetros de distância do local.

O aparelho ostenta os buracos das balas, 
provavelmente aquelas que fizeram fazer cair o avião.



O Ministério britânico de Defesa está preparando uma equipe de busca para encontrar os restos do piloto num raio de 30 quilômetros. Não há familiares vivos de Dennis Copping no Reino Unido e o seu nome está inscrito no memorial às vítimas da guerra na cidade de El Alamein.