quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Meu carnaval foi ótimo ... preso dentro de casa.

Meu carnaval foi ótimo! Preso dentro de casa.

Eu e minha esposa saímos na sexta rumo à Marataízes, balneário distante 40 km de Cachoeiro. Chegamos por volta de 1h da manhã pois ao chegarmos na casa da praia esquecemos a pizza em cima do fogão e a carne no freezer, então voltamos à Cachoeiro e retornamos à Marataízes novamente, algo já parecia estar dizendo que ia ter alguma coisa errada. No sábado, Míriam notou que esqueceu o secador de cabelo, pensei: "Vamos ter que voltar de novo". Mas conseguimos comprar um secador de cabelos na farmácia próxima de casa no dia seguinte. Sábado foi bom, a rua cheia, praia legal, almoço no restaurante, dormindo tarde pra acordar bem tarde no domingo né?

Bem, não foi bem assim. Às 7:45h da manhã de domingo, um grito gigantesco de "ACORDA" nos despertou, parecia que um desgraçado tinha entrado dentro da minha casa e gritado no meu ouvido com um megafone. Mas não, era o vizinho da frente, que alugou a casa e colocou o carro com a traseira virada pra nossa janela, e esse sim era o verdadeiro desgraçado, um sem-educação e sem noção que colocou aquela porcaria aquele horário. Tem certos tipos de turistas que fazem tudo que não podem fazer de onde eles vem, e extravasam sua falta de educação nesses lugares que eles devem achar que por estarem pagando tem direito de fazer o que quiser,  do jeito que quiser. Tudo bem, primeiro dia, eles devem ter chegado empolgados, não levei a sério, levantei, fui à padaria, comprei o pão e o jornal e o domingo continuou.

Esse carnaval estava quente, não ventou tanto e só na beira-mar estava mais fresco, por dentro das ruas o calor estava forte. Quando vamos para a Marataízes, eu coloco umas cadeiras de praia na varanda e fico assistindo dali a tv que fica na sala, mas esse ano foi diferente, os vizinhos, os turistas funkeiros, os desgraçados, colocaram o som do carro deles a tarde toda tocando essa porcaria de som chamado de funk que errôneamente chamam de música. E quando a bateria do Palio Weekend dos miseráveis arriava, tinha um Golf de reserva pra atentar a rua toda.

Resultado: tivemos que colocar a TV dentro de um quarto lá nos fundos da casa, e ali ficamos o domingo todo, tentando ouvir tv porque o som batia nos fundos da casa e se propagava numa altura imensa. Eu estava me sentindo num BBB sem câmeras, mas adoraria que aqueles miseráveis olhassem só um minuto a situação que nos encontrávamos para ver se eles tinham um mínimo de sensibilidade com o próximo. Mas para quem ouve funk, acho que cultura e educação são quesitos que não fazem tanta importância na sua vida.

Bom, uma hora o som tem que parar, e parava só na hora que esses putos dormiam, então a gente conseguia dormir, e na hora que eles acordavam, por volta de 8h da manhã, tinhamos que acordar também, porque novamente eles colocavam aquele grito de "acorda" para a vizinhança toda ouvir. 

Polícia.

Foi aí que perdi a esportiva e na mesma hora liguei do celular para o 190, educadamente dei bom dia para a autoridade que me atendeu e perguntei sobre uma lei municipal que impedia o som dos automóveis na cidade, e me interrompendo ouvi a voz dizer:

"Porra meu irmão, você me liga essa hora da manhã pra me encher o saco por causa de som" ...

e desligou na minha cara.

Ou seja, o cidadão de bem, o cidadão que quer amparo da autoridade, que pensa que o poder de polícia é para protegê-lo ouve da própria polícia que não é para encher o saco dele! 

Me senti um "merda", uma "titica", um "impotente".

E durante a tarde de segunda-feira, o funk rolou solto, bem alto, com a TV no último volume dentro do quarto dos fundos, um calor de matar, dois ventiladores ligados, aquilo foi me dando uma claustrofobia, decidi ir até a rua conversar com os policiais, quando chegamos na pracinha eu e minha esposa fomos perguntar aos policiais sobre o que fazer, eles disseram que estão passando nas ruas (não sei quais!) e que se os carros estiverem dentro de casa, eles não podem fazer nada! IMPRESSIONANTE!

Voltamos para casa, a rua estava tomada de funkeiros, nossa calçada era o barzinho, onde as garrafas de bebida ficavam apoiadas, de um lado os brutamontes mineiros bêbados e sem educação (Funkeiros) de outro as mulheres, rebolando até o chão, dando um show de vulgaridade. Tudo bem é carnaval, é época de vulgarizar mesmo, mas tudo  tem limite.

E não venham dizer que "quem quer descansar que fique em casa", isso só existe quando não tem educação e uma polícia ativa colocando ordem e impondo a lei, e na falta dessa, impondo um mínimo de noção na cabeça desses animais que vem de fora e acham que porque estão pagando podem fazer o que quiserem.

Às 22h da noite, quando não aguentava mais, decidi juntar as tralhas e ir embora, deixei o carnaval para trás, a praia e os amigos, a carne que tinhamos voltado para buscar na sexta para assar, voltou congelada como o meu coração, mas minha cabeça estava quente, não suportava pensar que estava voltando derrotado para casa.

A impressão que fica é que estamos vivendo num mundo onde não há respeito, estamos vivendo na era "dos incomodados que se mudem", ninguém fez nada, eu não fiz, a pessoa que alugou a casa para o bando de animais não fez, os vizinhos nada fizeram, por que? Por medo! Por que hoje quando usamos nossas palavras para pedirmos um favor podemos tomar um tiro como resposta, e do jeito que aquelas pessoas aparentavam, ouvindo aquele som horroroso, demonstrando não ter educação nenhuma para com o próximo, ficamos com medo.

E a polícia, que era nossa única esperança, esperança de ver o jogo virar, de ver alguém falar por nós, proteger o cidadão da falta de respeito, a própria polícia hora nos humilha no telefone e hora nos abandona e nos faz tomar decisões que nos deixam frustrados e desanimados com o futuro que nos espera. E a velha frase ainda vive:

"Estamos presos dentro de casa, e os bandidos estão soltos na rua".

Era essa a visão, toda vizinhança presa dentro de casa, e os bandidos funkeiros soltos na rua.

Saímos da casa pensando em vendê-la, em nunca mais voltar, medo de voltar no próximo ano e encontrar algo parecido ou bem pior, talvez ir para as montanhas, mas não pensamos hora nenhuma: "O mundo vai mudar para a melhor". Porque do jeito que as coisas estão, só pensamos que uma hora tudo vai acabar! Não é possível que o mundo continue desse jeito, o MAL imperando sobre o BEM!

Está faltando uma autoridade maior guiar a humanidade, e essa autoridade é a esperança de milhões no mundo todo!

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

O UNIVERSO E VOCÊ

Um fogo queima, a água vem,
Você me esfria
Quando estou fria por dentro, você é quente e brilhante,
Você sabe que é tão bom para mim
Com seus olhos de criança, você é mais do que parece,
você vê no espaço...
Eu vejo no seu rosto...
Os lugares que você foi...
As coisas que você aprendeu...
Elas combinam com você de um jeito tão bonito

Você sabe que não há nenhuma necessidade de se esconder
Você sabe que eu digo a verdade,
Nós somos exatamente os mesmos.
Eu posso sentir tudo que você faz
Tudo que você diz,
Mesmo quando você está a milhas de distância
Porque eu sou eu, o universo e você.

Assim como as estrelas que queimam brilhantes,
Fazendo buracos na noite,
Nós estamos construindo pontes.

Quando você estiver completamente sozinho
Eu mandarei um sinal,
Para que você saiba que...
Eu sou eu, o universo e você,

O universo e você.
O universo e você.
Eu sou o universo e você.

Para minha querida Míriam.
"Tem partes da música que sou eu falando com você, tem partes da música que é você falando comigo, por que somos assim, Eu, o universo e Você."

video
Música de KT TUNSTALL - CD EXTRAVAGANZA - "Muito lindo".

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Pensamento

Afaste-se de falsas promessas, 
reconheça do coração as palavras sinceras,
a boca mais linda e mais perfumada
pode trazer veneno mortal e inesquecível,
deixe o tempo mostrar a verdade dos corações impuros
e a pureza do seio que te abraça,
não se encante pelo gosto bom de uma noite apenas,
sinta o prazer aos poucos, contando as luas cheias que iluminaram as estrelas. 
O olhar mentiroso é tão visível quanto o sol num deserto escaldante,
o sol no deserto da ilusão, além de olha-lo incessantemente, 
queima seu rosto e lhe cega a ponto de não enxergar o maior dos oásis.
Não há força maior que a sua vontade, 
não queira morrer nas mãos de quem não pensa em amá-lo como você o ama,
morra, mas morra de amor, no colo de quem olha por você,
como se você fosse a última pessoa no mundo a fazer alguém feliz.
Deseje, mesmo que para seu inimigo,  deseje o bem,
não faz sentido viver com o coração enraizado de raiva,
o ódio envenena o sangue como a calúnia jogada contra você,
Deixe alguém para trás, sempre com uma palavra amável,
diga que ama, o quanto foi importante ter essa pessoa ao seu lado,
não deixe para pronunciar seu sentimento
no momento do último suspiro de alguém que talvez desejasse escutar isso há muito tempo.
Seus lábios podem ser tão grandes quanto o coração que carregas no peito,
faça deles cornetas barrocas para o ouvido de quem lhe abraça a alma com emoção e alegria,
seja sábio em suas palavras, não deixe de sentir raiva, mas não seja mal,
tudo na vida deve ser feito, falado e sentido na dosagem certa.
Seja uma criança no momento de perdoar,
crianças são puras e verdadeiras,
crianças não mentem e procuram sempre fazer coisas boas.
Ouça seu coração quando estiver amando,
ouça a razão quando estiver odiando,
o coração na maioria das vezes nos engana.
Esfregue seus olhos toda vez que você tiver dúvidas sobre o sentimento de alguém,
os olhos não enxergam a alma,
feche-os, pare, pense, escute seu coração.
O coração é olho da alma, só ele consegue adentrar a verdade do seu semelhante.
Viva, viva intensamente, espante a preguiça da alma, a tristeza dos pensamentos humilhantes,
Seja feliz, mesmo que alguém lhe diga que você é infeliz,
provalmente essa pessoa inveja a pequena felicidade que você carrega dentro do peito.
Junte-se aos amigos verdadeiros, são mais importantes na vida do que nossos próprios familiares.
Se tens em sua casa uma pessoa que te ama com toda força do mundo,
use essa força para elevar-se e fazer-se forte como ela!
O amor é a força que nos leva aonde desejarmos.
"Alex Cardoso"



sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Deus me Salvou

Deus me salvou quando me levantou do chão, escorregando em lágrimas, ajoelhei-me diante de sua imagem no corredor de minha casa, com a bíblia nas mãos, pedi, Ó meu Deus, me dê uma resposta, então abri a Bíblia, e realmente, Deus existe!

Salmos, 139

Pedido de Socorro contra os Perseguidores.


1.Ao mestre de canto. Salmo de Davi.
2.Livrai-me, Senhor, do homem mau; preservai-me do homem violento,
3.daqueles que tramam o mal no coração, que provocam discórdias diariamente,
4.que aguçam a língua qual serpente, que ocultam nos lábios veneno viperino.
5.Salvai-me, Senhor, das mãos do ímpio; preservai-me do homem violento, daqueles que tramam minha queda.
6.Orgulhosos, armam laços contra mim e estendem suas redes, e junto ao caminho me colocam ciladas.
7.Digo ao Senhor: Vós sois o meu Deus. Escutai, Senhor, a voz de minha súplica.
8.Senhor Deus, meu poderoso apoio! Vós protegeis minha fronte no dia do combate.
9.Não atendais, Senhor, os desejos do ímpio, não deixeis que se cumpram seus desígnios.
10.Que não levantem a cabeça os que me cercam; sobre eles recaia a malícia de seus lábios.
11.Carvões ardentes chovam sobre eles: sejam lançados numa fossa de onde não se ergam mais.
12.Não terá duração na terra a má língua; o infortúnio surpreenderá o homem violento.
13.Sei que o Senhor defende o desvalido, e faz justiça aos pobres.
14.Sim, os justos celebrarão o vosso nome, e os retos poderão viver em vossa presença.

Foi assim que tudo começou, foi assim que Deus me salvou!

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Dia 09 de Fevereiro

Hoje são 09 de fevereiro,

uma pessoa muito especial me deixou nesse dia há 11 anos atrás. Ela não morreu, ela está viva, sempre olhando por mim, me amando, me guiando, me iluminando, me dando forças e me visitando em meus sonhos.

Meu pai vem mostrando que amor, o sentimento, não acaba quando a morte chega, ele dura a vida inteira, porque estamos ligados por esse sentimento e eu nunca experimentei um amor tão grande como o do meu pai!

O da minha mãe, da minha esposa, dos meus amigos, é um amor verdadeiro, grande, forte, mas igual ao do meu pai, não existiu mais.

Pai, onde você estiver, TE AMO MUITO. Estou tentando cumprir o prometido.

Ao Coração

Da minha amiga Cyntia, amigos, quando verdadeiros, sempre tem algo para nos dizer quando realmente precisamos ouvir aquelas palavras.

Ao coração
Deus me entregou bem mais do que mereço
talvez seja por isso
que eu me cobre um pouco mais
não que eu não seja capaz
mas, às vezes é difícil

nem sempre sei fazer o bem que eu desejo
e, às vezes, eu me vejo
me enganando sempre mais
não que eu não queira acertar
mas nem sempre é possivel

já me condeno tanto
pelos erros que na vida cometi
pelas vezes que eu não soube decidir
e assim, meu coração gritava
desespero de quem ama
coração, tu que estás dentro em meu peito
me condenas desse jeito
e eu não sei por qual motivo
se és divina voz em mim
só te peço, por favor, eu sou humano
não me condenes assim

humano eu sou assim: virtudes e limites
se agora me permites
eu pretendo ser feliz
sem prender-me ao que não fiz
mas olhando o que é possivel

a dor que, às vezes, vem
me faz feliz também
pois nela me recordo
o valor que tem a cruz
quando a noite esconde a luz
Deus acende as estrelas.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Eu posso, eu quero, eu vou conseguir!

Eu posso,
Eu quero,
Eu vou conseguir.

Eu posso,
Eu quero,
Eu vou conseguir.

Eu posso,
Eu quero,
Eu vou conseguir.

Eu posso,
Eu quero,
Eu vou conseguir.

Eu posso,
Eu quero,
Eu vou conseguir.

Para todos os meus pesadelos, para todos os meus sonhos!

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Otimismo Todo Dia ...

Ontem eu tava meio pensativo, curtindo uma deprêzinha, quando a gente fica sozinho com o peso de uma responsabilidade nas costas é meio difícil lidar com os pensamentos quando a cabeça se enche de coisas negativas, desânimo e tristeza, então abri a janela do quarto, vi aquela magnífica paisagem das montanhas no final da tarde, sentei na cama pra admirar a obra do criador e vi no criado mudo da minha esposa um livrinho de Mensagens de otimismo, daí abri numa página que tinha tudo haver com o que eu tava sentindo, veja só:

Quando você enfrenta um problema e surgem outros, não diga: "É demais, não agüento."

Os problemas são miragens e não é o número deles que mistura as soluções e perturba a cabeça. O que perturba é a própria cabeça fraca, a maneira de encará-los. Quando você se enreda no problema e tem a sensação de incapacidade, então ele toma vulto, se acha senhor e impera, mas se você levanta a barreira e confia na sua inteligência, ele diminui, treme nas bases e some.

Não se abata. Nenhum problema é maior que sua resistência, nem mesmo quando se juntam.
É a carga aumentada que faz fortes os músculos.

E na página seguinte:

A tempestade, as dores e decepções passam.

As situações mudam de um momento para outro. A tristeza se torna alegria, o abatimento vira ânimo, a doença desaparece, a turbulência converte-se em paz e a derrota em vitória.

Não se deixe vencer.

Acredite em Deus, numa força do tempo a seu favor, num destino bom, convicto de serem possíveis as transformações. Encha o peito de confiança nas suas qualidades que a tempestade passa.
Das adversidades nasce o prazer de viver.
É passageira a obra humana, inclusive A DOR E O PROBLEMA!

É isso! Otimismo.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Deixar para trás o que fica para trás

As justificativas tornam a vida pesada, pois semeiam desconfiança

Existem situações na vida da gente que acabam influenciando profundamente aquilo que somos. Tal influência, por vezes, pode exercer sobre nós o ofício de aprisionar, estacionando nosso olhar em paisagens que não mais compõem nossos dias.

De fato, o coração – com as razões que o povoam – vive inconstâncias que em determinados momentos o tornam confuso e inquieto, e se ele não for bem nutrido e direcionado pode desenvolver certa facilidade para se acorrentar àquilo que não mais pode ser nem ter.

A raiz de tal confusão, muitas vezes, consiste no orgulho, que o impede de se aceitar pequeno e limitado, querendo assim sempre "voltar para consertar" e explicar aquilo que em sua vida ficou ausente de perfeição.

Seria tão mais fácil reconhecer: "Errei, nessa circunstância eu não fui capaz de acertar...". Assim o coração ficaria livre para compreender com propriedade o profundo significado da misericórdia, que se configura como acolhida sem precedentes daquilo que o ser é, e de maneira singular, de suas fragilidades e incapacidades.

Assim o coração será feliz por ser o que é, sentindo-se acolhido por um Amor infinitamente maior que o seu, que não o acusa nem vive a exigir explicações.

Onde o amor é abundante cessam-se as explicações. Quem explica demais sente-se acolhido de menos... pois no coração que se compreende conhecido e amado as palavras podem ser dispensadas e as explicações dão lugar à certeza de ser amado como se é.

Se o coração deixasse para trás o que fica para trás ele seria mais inteiro, ele caminharia leve e sem peso de acusações. Contudo, para isso é necessário deixar passar sem tentar explicar nem consertar... mas um deixar com a serena consciência de que existe um terno abraço sempre pronto a acolhê-lo em cada esquina de sua história.

As justificativas tornam a vida pesada, pois semeiam desconfiança. Quem se justifica demais diante de seus erros e fraquezas ainda não compreendeu que é amado assim como é. Quem se contempla amado não vive explicando suas limitações, mas, permite-se ser perdoado e acolhido apenas pela força de um simples olhar, mesmo com a ausência de palavras.

Deixar sem buscar justificar e explicar é um concreto sinal de que o coração aprendeu a confiar na força do amor que acolhe sem desprezar. Sem desprezar a essência – que é boa – em virtude dos fragmentos de imperfeição.

Deixar é também uma forma de ser autêntico consigo assumindo que em determinada circunstância não foi possível acertar, mas que é possível aprender com o limite para construir uma posterior vitória.

Diante de um Amor que é sempre “sim” o coração precisa ser educado para abandonar os seus frágeis “nãos” nesse imenso abismo de acolhida e compreensão.

Dessa forma, a vida se tornará mais livre para tentar, sem ter que fingir ou representar para se aceitar como é... Desprender-se; deixar para trás o que fica para trás!

Adriano Zandoná

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Os olhos de Deus

Ontem achei isso na bancada de uma loja e parece que Deus tá sempre dando seu recado quando a gente está em dúvida com algo em nossa vida.

"Os olhos do Senhor estão em todo lugar, contemplando os maus e os bons." (Provérbios 15:3).

E continua ...

Um dia você vai prestar contas a Deus de todos os seus atos - públicos ou secretos.
Mas fique tranqüilo. Não há nada perdido. É só confessar a Deus os seus pecados, entregar-se de todo coração a Jesus, fazer sua vontade, e o seu passado deixará de ser um problema. Isto porque "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criaturá é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." (II Coríntios 5:17)

Toda verdade será cobrada um dia, não importa o tamanho do seu gesto, FAÇA O BEM!